Início Realizadores Perguntas Frequentes Contato

Descritivo da Solução: O Arquivei é uma plataforma de automação e gerenciamento de notas fiscais que ajuda na contabilidade, fiscal, tributário e outras áreas de empresas e escritórios contábeis com otimização, produtividade e redução de trabalho manual,
ganho de tempo e oportunidade.

Desafios Atendidos: Além de automatizar o recebimento e consulta de notas fiscais, a plataforma organiza, armazena com validade jurídica e disponibiliza ferramentas para aanálise, relatórios e conferências para entregas fiscais, análise de tributos e contabilidade consultiva.

Diferenciais: - Integração segura com a Sefaz, prefeituras, emissores, sistemas ERPs e
contábeis;
- Consulta agendada e automática de documentos fiscais;
- Armazenamento em nuvem e organização de NFes, CTes, NFSes, MDFes, NFCes, SAT, DANFes emitidos e recebidos por uma empresa e suas filiais;
- Acesso online para múltiplos usuários com distribuição de informação entre departamentos
- Monitoramento dos documentos emitidos contra o CNPJ para identificar notas frias e operações não realizadas;
- Manifestação de destinatário direto na plataforma de forma massiva ou pontual;
- Compliance fiscal sem atrasos, multas ou sanções, sem erros por digitação manual de notas;
- Time de atendimento e suporte especialista dedicado para os clientes.

Nosso foco é potencializar negócios com o uso inteligente de documentos fiscais. Nós
transformamos burocracia em oportunidade.
Benefícios: ✓ Agilidade nas tarefas contábeis e fiscais com automatizações;
✓ Redução do trabalho manual e burocracia;
✓ Auxílio nas tomadas de decisões da empresa com base nos documentos fiscais;
✓ Facilidade nas entregas fiscais e pagamento de impostos.
Planos e Preços: Planos com assinatura anual a partir de R$ 39,90 mensais para até 1
CNPJ. De R$ 99,90 para até 3 CNPJs. De 249,90 para 5 CNPJs. Escritórios contábeis
tem planos flexíveis.
Recursos Mínimos: Para ser cliente Arquivei, você só precisa ter CNPJ ativo e cadastrar Certificado Digital
para habilitar as consultas via Sefaz e Prefeituras.